Animais

O que é aliche?

Este peixe é usado em receitas como pizza, mas também traz benefícios para a saúde.

Aliche é um peixe utilizado para rechear pizzas e receitas de origem italiana, também chamado de Anchova ou Anchoveta. Pertencem ao gênero Pomatomus da família Pomatomidae. Em outros países é conhecido como Anchois, Boqueron, Bocarte, Xouba, Seito ou Aladroc.

Publicidade

O Aliche é encontrado no Mediterrâneo, nas águas do Golfo de Viscaia e também nos mares do hemisfério sul. Na Espanha, Itália, Grécia e França é muito procurado para pesca. Também é encontrado na costa da Califórnia e perto da Argentina e do Chile.

No Brasil encontramos a Sardinha Anchovada no litoral do Rio de Janeiro até Rio Grande do Sul. Ela passa por um processo de salgar, é armazenado por seis a doze meses, depois de retirado os espinhos é enlatado com azeite.

Publicidade

Para a pesca deve-se usar isca artificial o que torna a pescaria mais emocionante, já com iscas naturais, como sardinha, parati e tainha indica-se o uso de empate de aço.

O aliche tem cor azulada em seu dorso, mas prateada no ventre e nos flancos. É considerado um peixe grande que tem um metro e meio e até 20 quilos. Os cardumes deste peixe se formam no inverno e eles se aproximam da costa.

Esta espécie é feroz e chega a atacar outros peixes. O aliche se alimenta de sardinhas e também de savelhas, manjubas, crustáceos e moluscos.

Geralmente é preparado com azeite extra virgem, folhas de louro, sal a gosto e pode ser assado.

A anchova possui Ácidos Graxos poliinsaturados que ajudam na redução do HDL que é o colesterol ruim e melhora a saúde cardiovascular.

Além disso deixa a pele jovem e saudável pois também possui selênio e Vitamina E que evitam as rugas e manchas.

Também está presente a Vitamina A e cálcio que fortalecem os dentes, os ossos e previne doenças dos olhos, como a catarata.

Auxilia na redução de peso além de fornecer as proteínas necessárias pata o bom funcionamento do organismo. Pode ser consumida com tomate cereja e folhas de rúcula.

Publicidade

Deixe uma resposta