Saúde e Bem Estar

O que é calistenia?

Calistenia é uma técnica antiga para tonificar o corpo. Conheça o método.

A calistenia é um conjunto de exercícios físicos que usam o peso do corpo como carga. Eles precisam ser precedidos por alongamentos, para aquecer músculos e articulações e evitar lesões. É a busca por uma rotina de treinamentos mais intensos, fora das academias. Ela tem nome estranho (significa força e beleza, em grego) e pode parecer ser bem contemporânea, mas seus fundamentos foram desenvolvidos na Suécia, há mais de um século.

Publicidade

calistenia

Trata-se de uma combinação de abdominais, flexões de braço e exercícios na barra fixa (mergulhos, repetições nas paralelas, flexões com apoio e inclinadas, mergulhos na barra em “T”, etc.). Os exercícios foram desenvolvidos para homens, mulheres e crianças não atletas, mas em pouco tempo conquistaram vários outros nichos.

Atualmente, os treinos de calistenia trabalham os seguintes grupos de músculos, localizados nos braços e pernas, região tórax, abdômen, costas (divididas em região superior e inferior), laterais do tronco, escápula e ombros. A criatividade também tem peso no treinamento: algumas competições levam em consideração as sequências, a fluidez dos movimentos e a originalidade.

Publicidade

Calistenia online

Os exercícios ressurgiram com força, embalados pela postagem de vídeos sobre calistenia nas redes sociais e pela valorização dos exercícios funcionais. Parques e praias ficam lotados de jovens, em grupos que chegam a ser aplaudidos pelos curiosos que param para assistir aos treinos que, atualmente, se tornaram mais intensos e quase sempre acompanhados por música eletrônica.

Uma das principais vantagens da calistenia é que ela trabalha o corpo inteiro. É importante, porém, contar com a assistência de um profissional de educação física, para orientar os movimentos e evitar danos a articulações e tendões.

Mesmo assim, a calistenia oferece menos riscos do que a musculação. Não há perigo de sobrecarga, já que o peso utilizado é o do próprio praticante. Sem o uso de aparelhos – são empregadas apenas barras paralelas e fixas –, a mobilidade é total. Além disto, os exercícios podem ser feitos em qualquer lugar – assim, não é preciso deixar de praticar durante férias e viagens.

Os treinos da calistenia são mais focados na funcionalidade do que na estética. Os praticantes querem desenvolver o agachamento total, já que de nada adianta ser forte e não conseguir abaixar para amarrar o cadarço do sapato. Isto traz mais autonomia, porque eles aprender a lidar com o próprio corpo e ampliar seus limites.

Street workout

A calistenia se tornou bem mais popular com o street workout (algo como exercício na rua). Os movimentos são idênticos aos desenvolvidos, mas a nova modalidade pretende explorar os recursos e possibilidades dos espaços abertos. O nível de dificuldade é consideravelmente maior, fato que amplia os benefícios. Se o objetivo do praticante é o bodybuild, no entanto, a musculação apresenta vantagens consideráveis.

Com a adoção da calistenia, o treino aeróbico é maior do que o realizado em academia, já que trabalha, ao mesmo tempo, musculatura e respiração. Isto facilita a queima de gordura, aumenta a capacidade de resistência e também a mobilidade. Mesmo assim, ela pode ser adotada como treinamento auxiliar, para complementar a musculação.

Mas claro que, apesar de trabalho o corpo por inteiro, não é um método milagroso – como nenhuma atividade física é. É necessário combinar o esforço com alimentação balanceada, dormir corretamente e ter boa orientação. A calistenia, por outro lado, permite que o praticante estabeleça seus próprios desafios, oferecendo um fator motivacional a mais.

Veja aqui vídeo do calistenia:

Publicidade

Deixe uma resposta