Gravidez e Maternidade

O que é Colostro?

O Colostro é uma forma de leite de baixo volume secretado pela maioria dos mamíferos nos primeiros dias de amamentação pós-parto. Ele é um líquido fino, amarelo ou esbranquiçado, semelhante à água-de-coco. Por sua consistência viscosa e bastante fluida, muitas mães se assustam e acham que o leite é fraco.

Publicidade

Ele é composto de vários fatores para o desenvolvimento e proteção como água, leucócitos, proteínas, carboidratos e, principalmente, anticorpos conhecidos como imunoglobulinas, que fortalecem o sistema imunológico do bebê, protegendo-o de infecções e viroses. Possui uma importante função na imunidade passiva de algumas espécies de animais, pois é como se fosse a primeira vacina que o bebê recebe.

O colostro é também a única substância capaz de eliminar todos os resíduos de mecônio do trato gastrointestinal do bebê, ajudando o intestino a amadurecer e funcionar de maneira eficiente, além de prevenir o aparecimento de alergias, infecções e diarréia, pelo adequado controle e equilíbrio das bactérias que se desenvolvem no seu intestino. No dia do parto o colostro se apresenta ainda mais rico, daí as primeiras horas de vida serem muito importantes.

Publicidade

O volume de colostro produzido oscila entre 2 e 20 ml por mamada nos três primeiros dias. Este valor pode ser variável de acordo com a paridade materna, pois mulheres que já amamentaram produzem-no com maior facilidade, apresentando aumento rápido de seu volume.

O bebê deve sugar o colostro sempre que tiver vontade e na quantidade que desejar. Ele pode passar uma hora mamando, dormir alguns minutos e depois voltar para o peito – é normal. Quanto mais ele mamar, melhor, porque é a sucção que vai estimular a produção de leite. Por ter pouca gordura e ser liberado em volumes pequenos, o colostro é facilmente digerido.

O colostro vai se transformando gradativamente em leite maduro nos primeiros quinze dias pós-parto.

Publicidade

Deixe uma resposta