O que é gênero textual?

Por: Thalita Lopes

Se preparando para o vestibular? Preocupado com a redação do Enem e a prova de português para os concursos públicos? Entre uma das matérias que mais dão trabalho para os vestibulandos e professores, está a Língua Portuguesa e o estudo dos gêneros textuais. Está afim de se dar bem nas provas? Confira o post abaixo!

Se preparando para o vestibular? Preocupado com a redação do Enem e a prova de português para os concursos públicos? Entre uma das matérias que mais dão trabalho para os vestibulandos e professores, está a Língua Portuguesa e o estudo dos gêneros textuais. Está afim de se dar bem nas provas? Confira o post abaixo!

O que é gênero textual?

Gêneros textuais

Gêneros textuais ou gêneros de texto, basicamente falando, é o nome dado às diversas maneiras de se dividir e classificar estilos de escrita e texto, tendo como parâmetro de classificação a sua estrutura gramatical e textual, assuntos abordados e estilos da sua composição. Um texto pode ser classificado em dezenas de gêneros diferentes, e entre eles estão: convites, bilhetes, cartas, bulas, crônicas, contos de fadas, prefácios, ensaios, entrevistas, monólogos, decretos, leis, discursos, relatórios, histórias, mensagens formais e informais, contratos, atlas, termos de uso, contrato, etc. Para identificar o gênero de um texto, deve-se atentar principalmente para: onde o texto foi publicado; quem escreve; para quem escreve; por que escreve; e qual o tipo de linguagem usada (linguagem coloquial ou norma culta).

As principais funções dos gêneros de texto costumam ser, em sua maioria, argumentar com lugares e situações, relatar experiências, narrar situações, relatar discursos e ideais, expôr idéias e conhecimentos pessoais, além de descrever ações. Essas funções e estilos de texto se divergem dependendo da intenção do autor de tal obra, e em prol de que a mesma será utilizada

Gênero explicativo: a reportagem e a bula

. Um bom exemplo de um gênero textual bem comum e que todos nós conhecemos: a reportagem. A reportagem tem, como principal finalidade informar e desenvolver o conhecimento ao longo do texto, seja sobre um acontecimento, seja sobre uma pessoa, seja sobre um lugar. O tipo de linguagem usada nesse tipo de gênero costuma ser um tanto mais simples, justamente para atingir a massa, o maior número de pessoas quanto possível, independente do seu público alvo.

Um gênero textual que se assemelha bastante à reportagem é a bula médica, porém a sua estrutura gramatical não costuma ser nada simples. Por ter o intuito de explicar o uso de tal medicação (funcionando como uma espécie de instrução de uso), as bulas médicas deveria ter a linguagem menos científica o possível, e não são poucas as vezes em que podemos acompanhar discussões desse tipo surgindo entre conselhos de medicina, saúde e língua portuguesa.

Deixe uma resposta