O que é o IMC?

Por: Amaury de Almeida Costa

O IMC pode indicar diversas condições de saúde e auxiliá-lo na prevenção de doenças.

O IMC – Índice de Massa Corporal – é a medida do grau de obesidade de uma pessoa. Com ele, é possível certificar de que uma pessoa esteja no peso ideal para sua altura. Ele não mede o nível de gordura corporal diretamente, mas estudos indicam que o índice se relaciona a esse nível.

O que é o IMC?

A fórmula é simples: basta dividir seu peso (em quilogramas) pela altura ao quadrado (em metros).

Assim, se uma pessoa mede 1,70m e pesa 65kg:

65 / 1,702 =
= 65 / 2,89 =
= 22,49.

Há uma tabela para verificar a condição do IMC:

Cálculo IMC Situação

Abaixo de 18,5 Abaixo do peso ideal
Entre 18,5 e 24,9 Peso normal
Entre 25,0 e 29,9 Acima do peso (sobrepeso)
Entre 30,0 e 34,9 Pré-obesidade
Entre 35,0 e 39,9 Obesidade
40,0 e acima Grande obesidade

No nosso exemplo, está com o peso normal para a altura. Mas mesmo um IMC normal, mas muito próximo dos extremos, requer atenção, para controlar a alimentação.

Quando o IMC indica “abaixo do peso ideal”, a pessoa tem pouca massa gorda, o que pode prejudicar a imunidade. Além disso, pode significar desnutrição ou carência de algumas vitaminas, proteínas e minerais. A recomendação é ganhar massa muscular.

A partir do sobrepeso, a luz de alerta é acesa. O excesso expõe a pessoa a um risco maior de diabetes, doenças coronárias, hipertensão arterial e alguns tipos de câncer, além de prejudicar a qualidade de vida.

E o IMC percentil?

Para crianças e adolescentes, o IMC é calculado da mesma forma que para adultos, mas a medição é diferente para meninos e meninas, por causa da diferença de gordura entre eles. Depois de feitos os cálculos, o valor obtido é posto num diagrama de curvas, para obter a classificação percentil, de acordo com o sexo e a idade.

Nesta faixa etária, as referências são:

Baixo IMC para idade IMC adequado Sobrepeso Obesidade
Menor do que 3
De 3 a 85
De 85 a 97 Acima de 97

A medição deve ser feita regularmente, pois uma variação muito grande, mesmo dentro do considerado adequado (uma criança com IMC 10 num mês e 60 no seguinte, por exemplo), pode indicar problemas de saúde.

Como manter um IMC ideal

Alimentação saudável, exercícios com regularidade (bastam três caminhadas semanais se meia hora para quem é sedentário), vida sexual adequada, bom relacionamento familiar, profissional e interpessoal são grandes aliados. A eliminação da combinação de carboidratos, para quem está com sobrepeso, pode resolver o problema.

Consulte um médico para obter a melhor orientação. Um educador físico também pode ser valioso.

Deixe uma resposta