Curiosidades

O que são Chimangos e Maragatos?

Participaram de uma sangrenta luta que durou dois anos e se espalhou rapidamente pela região sul causando muitas mortes.

Chimangos e Maragatos são personagens que participaram da revolução federalista que durou de 1893 a 1895 e ocorreu por divergências políticas.

Publicidade

Participavam da disputa o Partido Federalista liderado por Gaspar da Silveira Martins. E do outro lado estava o Partido Republicano Rio-Grandense comandado pelo governador Júlio de Castilhos. Os federalistas defendiam os interesses dos grandes estancieiros da Campanha Gaúcha e não aceitavam a permanência dos rivais no poder.

Os federalistas que eram chamados maragatos começaram em fevereiro de 1893 um grande conflito contra os republicanos chamados de chimangos ou pica-paus. Estes usavam chapéus com divisas brancas que lembravam o topete desta ave. Neste período ocorria a campanha eleitoral para o governo estadual. Os maragatos justificaram a briga por achar abusivo o controle exercido pelo governo central e queriam uma maior autonomia. Também diziam que o governo de Júlio de Castilhos era baseado em fraudes eleitorais.

Publicidade

O nome maragatos vem dos descendentes de imigrantes espanhóis e eram chamados assim no Uruguai pois eles vinham de um província conhecida como Maragateria. Então a oposição começou a chamá-los de “maragatos” querendo dizer que eram mercenários uruguaios. Eles usavam lenços vermelhos.

Entre 1893 e 1894, os maragatos avançam sobre Santa Catarina e se juntam aos manifestantes da Revolta da Armada. Avançaram pelo Paraná e chegaram em Curitiba. Porém não tinham condições de prosseguir e decidem se concentrar nas terras gaúchas até 1895. Algumas cidades onde ocorreu a revolução foram Passo Fundo, Palmeira das Missões e Pelotas.

Como movimento se espalhou rapidamente Floriano Peixoto que era o presidente na época enviou reforço através de tropas federais que eram comandadas pelo general Hipólito Ribeiro para ajudar Julio de Castilhos.

A revolução chega ao fim quando o almirante Saldanha da Gama e seu tropa de 400 homens, luta até a morte contra os chimangos. Os maragatos ficaram comovidos com a derrota e com tantas mortes que decidiram acabar com a luta que já contava com 10.000 mortos, vários feridos, muitos degolados e até castrados de forma brutal.
Desta forma o conflito termina em 1895 quando assume o poder o presidente Prudente de Moraes que consegue fazer um acordo de paz.

Júlio de Castilhos que pertencia ao chimangos vence a luta e tem de volta o poder com a permissão do governo .

Publicidade

Deixe uma resposta